Agora sim: Ótima notícia para quem queria o 14° salário

Agora sim: Ótima notícia para quem queria o 14° salário

Pagamento do 14° salário tem ótima notícia para os beneficiários do INSS. Confira todas as informações a seguir:

Em meados de 2020, o Projeto de Lei n.º 4.367, teve sua apresentação pelo Deputado Pompeo de Mattos. Solicitando o pagamento do 14° salário aos beneficiários do INSS por dois anos. Mas, destinado em especial para quem recebe aposentadoria, pensão por morte. E, auxílio-doença, auxílio-acidente e auxílio-reclusão.

Contudo, a proposta se encontra na Câmara dos Deputados. Mas, já contou com a apreciação e aprovação de Comissões importantes para que aconteça sua liberação o mais breve. Observe o trâmite que o 14° salário percorreu até o momento:

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS do Jornal Financeiro pelo WhatsApp

  • 26 de agosto de 2020: projeto apresentado na Câmara de Deputados;
  • 11 de março de 2021: proposta chegou à Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF);
  • 22 de setembro de 2021: aprovado com algumas alterações pela CSSF;
  • 23 de setembro de 2021: projeto chegou à Comissão de Finanças e Tributação (CFT);
  • 24 de novembro de 2021: aprovado com algumas alterações pela CFT;
  • 09 de março de 2022: proposta chegou à Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC). No qual se encontra atualmente.

Nesse sentido, o maior tempo de espera pela aprovação do 14° salário, tem sido na CCJC. Pois, era aguardado a realização das eleições para que tivesse movimentação. Mas, para a felicidade dos beneficiários do INSS, as eleições da Comissão ocorreram dia 27 de abril.

Aprovação do 14° salário na CCJC:

Dessa forma, com a realização das eleições, o 14° salário está perto de ter sua aprovação na CCJC. Assim, para o cargo de Presidente assumiu o Deputado Arthur Oliveira Maia. Para relator, o cargo foi preenchido pelo Deputado Ricardo Silva.

Ricardo silva já se manifestou a favor da luta dos aposentados pelo abono extra. Mas, agora é necessário aguardar ele emitir um parecer sobre a proposta. Caso aprovado na CCJC, segue ao Senado Federal. E, em seguida, para o Presidente da República fazer a sanção.

Dica bônus: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva e assista os melhores vídeos de como conseguir ganhar mais dinheiro e receber benefícios exclusivos.

Portanto, visite nossas páginas nas redes sociais e nos siga para não perder as últimas notícias do INSS:

CONHEÇA NOSSO PERFIL NO INSTAGRAM!

CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.